Os InVerSos dEnTROoo De MiM!

Seja Bem Vindo em Meu Blog!
Desejo Muito que Possa Apreciá-lo. São Textos e Poemas Escritos Por Mim.
Eu Gosto Muito de Escrever... Na Verdade, Eu Amo Escrever.



sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Eu sou feliz... Apesar do meu nome!

 Tudo que tenho vem do Amor!

Olá,
Eu me chamo Rodolfo Paulo... E' sim... Este é o meu nome. Pensem o que quiser, porque eu, desde quando ouvi este nome pela primeira vez, estou pensando até hoje porque? Porque? Porque que a minha querida dona, colocou este nome em mim?
Ela sempre me abraça e fala: "Você é meu herói!" E eu fico me perguntando: "Mas não tinha outro nome de herói para colocar em mim não?"
Poderia ter me chamado de herói de verdade como Sansão... Que lindo seria!
Talvez Lancelot, Spider Dog, Hércules, Arthur... Qualquer outro herói, seria melhor que Rodolfo Paulo.
Tem vez que ela ao chegar do trabalho, vai logo gritando meu nome mas eu ignoro, faço de conta que nem ouvi pois dói a minha alma!
Então, ela ao me encontrar me pergunta: "Rodolfo Paulo, porque você não me responde?" e eu abaixo a cabeça, mostrando decepção!
Não consigo entender porque ela quis colocar o nome de um antigo amor que existiu em sua vida... Não entendo porque ela insiste em relembrar um alguém que não está mais em sua vida e ainda por cima, em forma de cão... E quando me abraça muitas vezes ela chora! E se ela chora foi porque esta pessoa a fez sofrer, ou talvez seja porque ainda sinta saudades e ao dizer o nome, a faz chorar mas... Neste momento eu lhe dou tanto carinho que consigo fazer ela começar a sorrir, porque apesar de ter recebido este nome estranho, para mim ela ainda é a pessoa mais carinhosa e bondosa deste mundo.

Quando vamos ao parque, tenho tantos amigos cães e quando seus donos o chamam, eu morro de inveja... São nomes de cães!
Sempre escuto de minha dona que não devemos ter inveja de nada deste mundo, que inveja é um sentimento muito feio! Feio foi o nome que ela me deu, o resto não é nada perto disto!.. Se ao menos ela me desse um apelido... Gostaria demais ser chamado de RP seria total disfarce, mas como faço ela me entender? Sou inteligente, tenho ideias mas esta ideia eu não consigo explicar para ela!
Eu muitas vezes nem me divirto tanto no parque porque vivo a observar o seu chamado e antes que ela possa me chamar, eu logo observo o seu olhar. Eu sei que vai falar o meu nome, então eu corro para ela imediatamente e assim evito de passar vexame perto de todos e principalmente perto de Lady que se interessa por mim e penso que se ouvir meu nome, ela vai desistir.

Lady é linda, é a minha paixão e seu dono conversando com minha amada dona, já pediu a ela que me deixasse namorar Lady... Quando ouvi um sim, eu sorri de felicidade, Lady é o  meu amor eterno, não deixo nenhum cão atrevido chegar perto dela, e se chegar eu rosno! Eu quero me mostrar forte, protetivo e corajoso para Lady se apaixonar por mim cada vez mais.
Espero que ela goste de mim, mesmo descobrindo o meu nome! Dizem que quando se ama, somos capazes de amar tudo de belo e feio que exista no ser amado... Eu desejo que isto seja verdade.  Acho que tudo isto é verdade. Eu sigo de exemplo minha dona que conseguiu amar este nome, meu Deus!... Este nome é estranho pra cachorro!

Eu tenho um outro amigo cão que quando vem ao parque esta sempre triste... Tive muita dificuldade para tirar uma confissão dele, mas ele acabou confessando: " A minha dona é solitária, seu marido nunca está com ela e quer sempre que eu durma com ela, e fica me acariciando e uma vez ela ao deitar, começou a falar comigo e dizia que está fazendo psicanálise e confessou ao seu analista que prefere dormir comigo e me acariciar que acariciar o seu marido, e neste dia ela começou a fazer coisas estranhas comigo e seu marido entrou e viu e me espancou! Eu não tenho nenhuma culpa, eu se pudesse queria um outro lar!" Ao ouvir olhei para o alto e pedi a Deus para cuidar daquele animal triste. Ouvindo uma história assim, eu estou preferindo o meu nome!
Este fato realmente é verdadeiro e eu fico é feliz de ter uma dona que me quer muito bem, e mesmo se tenho este horrível nome, eu sou feliz!
E digo desde já que não durmo com ela, não... não... não... Tenho este nome que é um amor dela mas na hora de dormir, eu tenho a minha linda casa em um ângulo do apartamento, e minha casa é tão grande que minha dona consegue entrar nela e limpar tudo... Pendurado no teto tem um lampadário que exala um perfume de lavanda, é muito cheirosa a minha casa!
Tudo que ela me ensinou eu aprendi direitinho, sou caprichoso e quando Lady vier para perto de mim, seremos felizes...
Acho que isto está para acontecer logo! Eu ao ouvir a conversa dela com o dono de Lady, ouvi ele pedir se poderia deixar Lady comigo por todo o verão para que ele possa fazer uma viagem em um Pais distante, e se minha dona deixar ele se sentirá seguro. E ela concordou e o verão já está quase chegando! Comecei a saltitar e contei tudo para Lady que também saltitava e eles sorriam com nossas brincadeiras...
Ele é uma pessoa sozinha e por todo o verão irá a trabalho para Europa e ao falar isto para minha dona, ela ficou triste...
O jeito que ele olha a minha dona não é normal, eu acho que ele gosta dela. E se isto for verdade quando ele voltar, farei de tudo para uni-los porque assim Lady nunca mais sairá de perto de mim! Ele seria a pessoa certa para a minha dona... Ele tem um nome muito bonito e caso minha dona resolva colocar outra vez o nome de seu novo amor a um de meus filhotes eu serei feliz! Ele se Chama Vítor!

Não vejo a hora de tudo isto acontecer, porque eu e minha dona somos muito solitários.
Quando estamos em casa ela fala pouco, vive em silêncio, muitas vezes lendo e muitas vezes no computador e de repente na frente de um computador, ela começa a sorrir, gargalhar, e não tem ninguém, mas ela sorri tanto e eu começo a latir, latir sem fim quando vejo ela estranha assim... Sinto medo de ser alguma loucura que a domina, mas ela vem e me explica que não é nada, é apenas porque um amigo a fez sorrir, mas eu não vejo nenhum amigo, e me apavoro! Mas depois passa a ansiedade... Eu penso em Lady!
Eu amo Lady demais! Eu sou feliz... apesar do meu nome! Sou forte mas sou bondoso, sou carinhoso e me orgulho onde Deus me colocou para viver!
Obrigado meu Deus!

Autora: Aymée Campos Lucas

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Você é Tudo Para Mim Baby!


Você é Tudo Para Mim!

Meu bom Deus ela nasceu...
Meu coração reviveu!
Minha alegria é contagiosa
Por sentir perto de mim 
Esta alma sublime e formosa!

Quanto que te esperei...
Quanto que te desejei...
Quanto que te amei,
Dentro de mim...  Filha!
Agora estamos sozinhas
Ainda me sinto em uma ilha
Naufragada por confiar...
Acreditar naquele barco fraco
Imprudente... Sem direção!
Ele não soube avistar o horizonte...
Onde o que reinava era a sua alma
Bela, suave e singela...Cativante...
Você é a minha palma! 
Você me acalma!

O medo que o dominou 
O fez cego e fugitivo 
A quem o amou...
Esta alma nova que me fascina
E' a  força que ilumina
Este coração que esquece da ilusão
Para crescer a razão
Protegendo meu doce mel
Desta vida cruel
Junto ao meu Deus la no Céu!

Uma mãe agora eu sou...
E ao olhar o teu lindo rosto
Me perco em teus traços
A ver tudo que um dia amei...
São imagens que surgem foscas
De um ser que se perdeu de mim
Me doando a minha bela Yasmim!

Não chora, não chora!
Quero sonhar junto a você agora
Quero imaginar que ira surgir
Um lindo sol no amanha afora
A nos acolher... A nos proteger
Somos duas almas unidas
Jamais estaremos perdidas...
Vou cuidar de você Yasmim
Acredite em mim!

E la na frente deste horizonte
Será você a ver e me mostrar
Através de seu sorriso 
Que vamos flutuar, voar...
Ao encontrar todo aconchego
Em um ser carente mas... 
Também muito envolvente
Uma alma que deseja 
Poder ter em suas mãos
Este pequeno coração 
Doando muita atenção
Doando total proteção!
Linda Yasmim... 
Você é tudo para mim! 
Tudo para mim Baby!
Tudo para mim Baby!

Autora: Aymée Campos Lucas

domingo, 26 de dezembro de 2010

Feliz Aniversário Taty!... Il Mio Regalo Più Grande!

Feliz Aniversário Taty!

Eu desejaria poder te dar um abraço com calor
Desejaria estar a festejar ao seu lado com fervor
Sabendo que seria um dia animado, avassalador...
Neste dia que Deus te doou Vida cheio de Amor!

Mas não sempre os amigos estão perto
Para poder ver o seu sorriso aberto
A alegria de festejar esse dia tão importante
Que Deus permitiu que existisse... Tao brilhante!

Um ser capaz de saber, crescer e viver
Seus dias a ver, ouvir, aprender e crer
Que o amor é tudo de mais sublime, nem preciso dizer...
Que nesta vida Deus será sempre dentro do seu ser!

Amiga querida que admiro de coração
Te desejo que este dia seja rico de emoção
Desejo que cada amanhecer você veja um clarão!
Será Deus te seguindo... Por ter de você tanta admiração!

Autora: Aymée Campos Lucas

 
Uma pequena e singela homenagem para você Linda Amiga!
Te adoro Taty!

Minha Linda Amiga Capricorniana que Deus Criou para me dar Amor, Alegria e tanta Contentaçao... Sabendo também que Deus me criou para lhe dar Amor, Sabedoria e Admiração!
Duas almas que unidas formam um só ser!

Taty eu te dedico esta musica linda... Dedico para você com muito amor e carinho e quando você a escutar e ler vai entender para quem ela deve ser dirigida: Tanto à você quanto para Call que neste momento esta la no Céu. Eu sei o quanto ele foi para você  um Tudo... O quanto um dia representou força, amor, coragem em sua vida! 
Parabéns Minha Amiga Linda!


Il Regalo Più Grande!... O presente maior!
Tizziano Ferro

Voglio farti un regalo
Qualcosa di dolce
Qualcosa di raro
Quero te dar um presente
Alguma coisa doce
Alguma coisa rara

Non un comune regalo
Di quelli che hai perso
O mai aperto
O lasciato in treno
O mai accettato
Não um comum presente
Daqueles que você perde
Ou nunca abriu
Ou deixou em um trem
Ou nunca aceitou

Di quelli che apri e poi piangi
Che sei contenta e non fingi
In questo giorno di metà settembre
Ti dedicherò
Il regalo mio più grande 
Daqueles que abre e depois chora
Que ficara contente e não finge
Neste dia de metade de Setembro...(próximo ao Natal) mudei, rsrs
Te dedicarei
O presente meu maior
 
Vorrei donare il tuo sorriso alla luna perché
Di notte chi la guarda possa pensare a te
Per ricordarti che il mio amore è importante
Che non importa ciò che dice la gente perchè...
Quero doar o teu sorriso à lua porque
De noite quem a olhar possa pensar em você
Para te recordar que o meu amor é importante
Que não importa o que diz as pessoas porque...
 
Tu mi hai protetto con la tua gelosia che anche
Che molto stanco il tuo sorriso non andava via
Devo partire però se ho nel cuore
La tua presenza è sempre arrivo
E mai partenza
Regalo mio più grande
Regalo mio più grande
Você me protegeu com o teu ciume que mesmo
Que muito cansado o teu sorriso não desaparecia
Devo partir porém se tenho no coração
A tua presença é sempre chegada
E nunca partida
Presente meu maior
Presente meu maior

Vorrei mi facessi un regalo
Un sogno inespresso
Donarmelo adesso
Di quelli che non so aprire
Di fronte ad altra gente
Perché il regalo più grande
È solo nostro per sempre
Queria que me fizesse um presente
Um sonho que não expressou
Doar-me agora
Daqueles que não sei abrir
Em frente a outras pessoas
Porque o presente maior
E' somente nosso para sempre

Vorrei donare il tuo sorriso alla luna perché
Di notte chi la guarda possa pensare a te
Per ricordarti che il mio amore è importante
Che non importa ciò che dice la gente perchè... 
Quero doar o teu sorriso à lua porque
De noite quem a olhar possa pensar em você
Para te recordar que o meu amor é importante
Que não importa o que diz as pessoas porque...

Tu mi hai protetto con la tua gelosia che anche
Che molto stanco il tuo sorriso non andava via
Devo partire però se ho nel cuore
La tua presenza è sempre arrivo
E mai... 
Voce me protegeu com o teu ciume que mesmo
Que muito cansado o teu sorriso não desaparecia
Devo partir porém se tenho no coração  
A tua presença é sempre chegada 
E nunca...

E se arrivasse ora la fine
Che sia in un burrone
Non per volermi odiare
Solo per voler volare
E se ti nega tutto quest’estrema agonia
E se ti nega anche la vita respira la mia
E stavo attento a non amare prima di incontrarti
E confondevo la mia vita con quella degli altri
Non voglio farmi più del male adesso
Amore..
Amore.. 
E se chegasse neste instante o fim
Que seja em um precipício
Não por querer que me odeias
So por querer que voe
E se te nega toda esta extrema agonia
E se te nega também a vida respira a minha
E estava atenta a não amar antes de te encontrar
E confundia a minha vida com aquelas de outros
Não quero mais me fazer mal agora
Amor...
Amor...  
(Ei Taty pula esta estrofe... Não me estranha não! rsrsrs)

Vorrei donare il tuo sorriso alla luna perché
Di notte chi la guarda possa pensare a te
Per ricordarti che il mio amore è importante
Che non importa ciò che dice la gente
E poi.. 
Quero doar o teu sorriso à lua porque
De noite quem a olhar possa pensar em você
Para te recordar que meu amor é importante
Que não importa o que diz as pessoas 
E tanto...
 
Amore dato, amore preso, amore mai reso
Amore grande come il tempo che non si è arreso
Amore che mi parla coi tuoi occhi qui di fronte
Sei tu, sei tu, sei tu, sei tu, sei tu, sei tu, sei tu, sei tu
Il regalo mio più grande 
Amor doado, amor  acolhido, amor que nunca rende
Amor grande como o tempo que não se rendeu
Amor que me fala com os teus olhos aqui de frente
E' você, é você, é você, é você, é você, é você, é você, é você, 
O presente meu maior!

Uma Grande Amiga Voce é Para Mim! 
Feliz Aniversario Taty!

Tradutora: Aymée Campos Lucas

sábado, 25 de dezembro de 2010

Cantando a Realidade...

Tao Grande é o Sucesso Destes Dois Cantores e Autores!
CESARE CREMONINI E...
LORENZO JOVANOTTI



MONDO!
MUNDO!

Ho visto un posto che mi piace si chiama Mondo
Ci cammino, lo respiro la mia vita è sempre intorno
Più la guardo, più la canto più la incontro
Più lei mi spinge a camminare come un gato vagabondo… 
Ma questo è il posto che mi piace, si chiama mondo!
Eu vi um lugar que eu gosto se chama Mundo
Nele eu caminho, eu respiro, a minha vida é sempre em volta dele
Quanto mais a vejo, mais eu canto mais eu a encontro
Ela me faz caminhar cada vez mais como um gato vagabundo
Mas este é o lugar que eu gosto, se chama Mundo! 

Uomini persi per le strade, donne vendute a basso costo
Figli cresciuti in una notte come le fragole in un bosco
Più li guardo, più li canto più li ascolto
Più mi convincono che il tarlo della vita è il nostro orgoglio
Ma questo è il posto che mi piace si chiama mondo!
Si... Questo è il posto che mi piace…
Homens perdidos por estradas, mulheres que se vendem a baixo custo
Filhos crescidos em uma noite, como morangos em um bosque
Quanto mais eu os vejo, mais eu os canto, mais eu os escuto
Mais me convencem que o tormento de nossas vidas é o nosso orgulho
Mas este é o lugar que eu gosto se chama Mundo!
Sim... Este é o lugar que eu gosto...

Viviamo in piccole città nascosti dalla nebbia
Prendiamo pillole per la felicità... Oh misericordia!
Noi siamo piccoli... Amiamo l’Inghilterra
Viviamo dell’eternità…
Vivemos em pequenas cidades escondidas por neblinas
Tomamos pilulas para a felicidade... Oh Misericórdia!
Nos somos pequenos... Amamos a Inglaterra
Vivemos da eternidade... 

Ho visto un posto che mi piace si chiama Mondo
Dove vivo non c’è pace ma la vita è sempre in torno
Più mi guardo, più mi sbaglio, più mi accorgo che
Dove finiscono le strade e proprio li che nasce il giorno
Ma questo è il posto che mi piace si chiama mondo!
Si... Questo è il posto che mi piace…
Eu vivo em um lugar que eu gosto se chama Mundo
Onde vivo não tem paz mas a vida é sempre em volta dele
Quanto mais me olho, mais eu erro, mais eu percebo que
onde termina as estradas é próprio ali que nasce um novo dia
Mas este é o lugar que eu gosto se chama Mundo!
Sim... Este é o lugar que eu gosto...

Viviamo in piccole città nascosti dalla nebbia
prendiamo pillole per la felicità... Oh misericordia!
Noi siamo piccoli... Amiamo l’Inghilterra
Viviamo dell’eternità… 
Vivemos em pequenas cidades escondidas por neblinas
Tomamos pilulas para a felicidade... Oh misericórdia!
Nos somos pequenos... Amamos a Inglaterra
Vivemos da eternidade... 

Participação de Lorenzo Jovanotti


JOVANOTTI:
Gira e gira e non si ferma mai ad aspettare
Sorge e poi tramonta come un delfino dal mare
Muove la sua orbita leggero e irregolare
Distribuisce sogni e ritmo buono da danzare
Gira e gira e não para nunca para esperar
Surge e depois se esconde como um golfinho do mar
Move a sua orbita ligeiro e irregular
Distribui sonhos e ritmo bom para dançar

Mondo cade, Mondo pane, Mondo d’abitare
Mondo che ci salva, Mondo casa da ristrutturare
Tutto è falso, tutto è vero, tutto è chiaro, tutto scuro
Questo è il posto che mi piace aldiquà aldilà del muro
Mundo cai, Mundo pão, Mundo para abitar
Mundo que nos salva, mundo casa para reformar
Tudo é falso, tudo é verdadeiro, Tudo é claro, Tudo é escuro
Este é o lugar que eu gosto, muito além daqui, muito alem do muro

Viviamo in piccole città nascosti dalla nebbia
Prendiamo pillole per la felicità... Oh misericordia!
Noi siamo piccoli... Amiamo l’Inghilterra
Viviamo dell’eternità…
Vivemos em pequenas cidades escondidas por neblinas
Tomamos pilulas para a felicidade... Oh misericórdia!
Nos somos pequenos... Amamos a Inglaterra
Vivemos da eternidade... 

Viviamo in piccole città nascosti dalla nebbia
Prendiamo pillole per la felicità... Oh misericordia!
Noi siamo piccoli... Amiamo l’Inghilterra
Viviamo dell’eternità… Amiamo l'Inghilterra
Viviamo nell’eternità… Amiamo l'Inghilterra
Viviamo nell’eternità… Amiamo l'Inghilterra!
Vivemos em pequenas cidades escondidas por neblinas
Tomamos pilulas para a felicidade... Oh misericórdia!
Nos somos pequenos... Amamos a Inglaterra
Vivemos da eternidade... Amamos a Inglaterra
Vivemos da eternidade... Amamos a Inglaterra
Vivemos da eternidade... Amamos a Inglaterra! 

Ho visto un posto che mi piace
Ho visto un posto che mi piace
Ho visto un posto che mi piace
Si chiama Mondo
Si chiama Mondo
Si chiama Mondo
Eu vi um lugar que eu gosto
Eu vi um lugar que eu gosto
Eu vi um lugar que eu gosto
Se chama Mundo
Se chama Mundo
Se chama Mundo

Gira e gira e non si ferma mai ad apettare
Sorge e poi tramonta come un delfino dal mare
Gira e gira e non si ferma mai ad aspettare
Sorge e poi tramonta come un delfino dal mare
Gira e gira e non si ferma mai ad apettare!
Gira e gira e não para nunca para esperar
Surge e depois se esconde como um golfinho do mar
Gira e gira e não para nunca para esperar
Surge e depois se esconde como um golfinho do mar
Gira e gira e não para nunca para esperar! 


Tradutora: Aymée Campos Lucas


quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Amor... Por Favor Anda logo!

Duplo sentido!

- Amor se você tentar devagar talvez você consiga...
- Mas estou tentando... Não sei porque não entra!
- Deve colocar no modo justo. Nossa amor!... Parece que você nunca fez isto!
- Faz tempo que não fazia, e quando demora assim a gente acaba tendo dificuldades... Um ano é muito!
- Eu sou diferente, uma vez que faço uma vez não esqueço nunca mais.
- Talvez a sua memoria é fotográfica!
- Mas amor para fazer uma coisa como esta não precisa de memoria fotográfica, basta sentir o que representa, a alegria que nos da em ver tudo no seu devido lugar!
- Minha nossa! Como esta difícil desta vez!
- Amor ou você me deixa fazer como se deve ou então é melhor chamar o vizinho. Talvez ele resolve esta situação mais rápido, porque eu estou cansada de tanto esperar. Eu preparei tudo muito bem, agora so falta isto para finalizar, só esta faltando você para resolver...
Anda... Resolve, vai ou não vai?
- Mas você deve estar louca! Deixar o vizinho fazer isto no meu lugar?
Momentos iguais a este não se vê durante todo o ano e quando acontece eu quero mais é viver cada segundo e de preferência bem devagar... Tenha um pouco de paciência!
- Amor eu queria fazer tudo antes das crianças acordarem e deste jeito daqui a pouco estarão todos aqui batendo na porta...
- Calma, você esta me deixando nervoso!
- Olha ai, não falei, chegaram... Pronto agora o que a gente faz?
- Não abra a porta... Diz para esperar na cozinha!
- Amor cansei. chega! Eu aqui não fico mais, faz você sozinho, resolve você sozinho esta situação eu vou fazer um café para todos!
- Você esta brincando não? Não vai me dizer que vai me deixar aqui resolvendo esta situação sozinho? 
Amor eu não sei como fazer sozinho, não gosto!
- Eu perdi totalmente a vontade, não quero estar aqui a brigar com você, e quando voltar quero ver tudo resolvido.
- Tudo bem, vou abrir esta exceção, vou dar um jeito para resolver isto, vai la nos meninos e quando estiver tudo acabado eu te chamo!
- Capricha! Quando eu voltar não quero mais te ver nervoso... Quero ver um sorriso estampado no seu rosto de satisfação por conseguir fazer sozinho!

Depois de um longo tempo ele grita... 
- Amor consegui, consegui! Nossa foi demais! Eu realmente estou satisfeito com que fiz!
FELIZ NATAL!
- Que linda amor, você realmente me surpreendeu desta vez! FELIZ NATAL AMOR!
- Papai você se escondeu da gente para fazer a árvore... E quando é que o PAPAI NOEL vem?
- Nem me pergunte crianças, porque esta é uma outra historia!
- Papai ama vocês!
Viu amor, nem precisou do vizinho!
- Eu sabia que não precisaria... 



E assim mais um Natal naquela casa esta para acontecer...  E toda a família ansiosa e preocupada como será que ele vai fazer para se vestir de Papai Noel e descer pela lareira, para alegrar seus filhos...


FELIZ NATAL...
Para todos os amigos, e a todos que aqui visitarem!
E' O QUE DESEJA...

OsS INvERsOSs DeNTro De MimM!

 Autora: Aymée Campos Lucas



domingo, 19 de dezembro de 2010

E' Por Isto Que Eu Te Amo!


Porque Eu te amo?

Quando você esta aqui perto de mim
Eu sinto que você deseja saber
Como... Porque amo tanto este ser?
Te falo... Assim te ascendo sem fim!

Te digo sempre como que te amo
Das maneiras absurdas, abstratas
Dando forma ao que te retratas
Transformando-te... Eu sinto,eu clamo!

E' Por Isso Que Eu Te Amo!

Te amo! Eu amo quando ao me olhar,
Me faz sentir única e sublime.
Te amo sentindo viver em um filme
Ao fazer meu sorriso desabrochar!

Te amo quando ao te ver regressar
Me pede com carinho, um café...
E quando docemente toca o meu pé,
Vejo um desejo de mais alto voar!

Amo o expressar vivo de seu rosto
Malicioso, ingênuo e até nervoso
E mesmo assim você é carinhoso!

Vejo, sinto, desejo este gosto
Que sempre quando ao me aproximar,
Te faz esquecer dores ao se delirar!

Autora: Aymée Campos Lucas
Autora de um soneto imperfeito! 

Sou aprendiz da poesia!
Sou aprendiz de sonetos... 
Quero mostrar a uma amigo, que sou capaz de crescer mostrando que estudando, uma pessoa poderá sempre aprender a transformar as palavras em sentimentos, no mais singular espaço que ao sentir que na vida o aprendizado nos faz ser alguém!

Eu quero na verdade ser reconhecida como uma escritora e não somente uma poetisa... 
Quero escrever livros, muitos livros... 
Eu desejo que meus poemas se transformem em musicas.
Eu desejo que a vida traga para mim bons frutos quando ao passar meus pensamentos em uma folha, as minhas palavras façam com que cada pessoa possa sentir ou reconhecer que um dia viveu dentro de minha escrita sentimentos que dentro dela ainda existam. E se ainda não viveu, que deseje um dia poder viver algumas de minhas estoria transformando em felicidade todas as dores que estarão sentindo em um canto qualquer deste mundo!

Este soneto eu homenageio ao meu professor, o meu tutor, que através de um computador esta conseguindo transportar suas mensagens ao longo de um oceano, que mais parece apenas uma parede onde se encontra uma porta aberta me convidando para entrar para aprender, tomando um bom café no longo de um bate papo!

Esta homenagem esta sendo feita para Machado Carlos ( Machado Carlos ), um grande poeta que em um dia...  Não como um outro dia qualquer, se fez conhecer, doando carinho e afecto para mim!
Obrigado meu novo Tutor! Obrigado meu grande amigo por acreditar em mim! 
Obrigado pela sua enorme atenção! Serei uma de suas alunas preciosas e surpreendente quando ao ler meu terceiro soneto (Os outros dois estão em uma pagina de recados dele), poderá perceber que estou evoluindo!
Sou apenas uma aprendiz nesta vida que me faz feliz!

Te escrevo: Aymée Campos Lucas

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Un l'altro inverno senza di te!


Mi Manchi...

Inizio di una nova stagione
Era inverno e lei camminava...
Lei sentiva tanta emozione!
Era inverno e lei pensava...
E com questo inverno la neve dominava!
Era inverno e lei diceva...

- Come stai? Come stai tu? 
Tu che eri quello che io amavo!
Ora che sono qui a guardare 
La neve bianca e pura
Ancora ti sento vicino
Almeno per un piccolo momento
Mi facendo dimenticare questo freddo
Che vuole ancora insistere 
Di esistere dentro di me!


Dove sei? Dove sei tu?
Tu che non mi ascoltavi mai
Tu che adesso non mi vedi più...
Pensi ancora a me?
La mia forza ora sta lontano da me...
I miei pensieri volano verso di te!

Ah se tu fossi vicino a me
In quest' inverno bello e intenso
Il tuo calore sarebbe immenso
Per donarmi tutto che un giorno 
Non hai voluto dare
A me, a me...
Soltanto a me!
A me che ci sono stata per te
Quella che a qualsiasi inverno
Ero pronta a riscaldarti! 


Sono andata via
Quando l'inverno mi faceva troppo male
Portandomi insieme il mio cuore
A cercare un bello arcobaleno 
come un uccello solitario nel cielo 
Purchè il mio Dio potesse prendere cura di lui
Perchè io da sola non sarei stata capace!

Adesso com questa neve bianca 
Io cerco sempre la serenità 
Che tu sei riuscito a portarmi via
Io cerco la felicità
Che tu non mi hai voluto dare!
Sono ancora qui a pensarti
Che adesso tu non prenderai più cura di me
Tu non mi avrai mai
E se tu pensa a me
Questo io non saprò mai
So soltanto che in questo bello inverno 
Sono qui a pensare a te!...
Io penso a te e...
Mi Manchi.


Autora: Aymée Campos Lucas

Um outro inverno sem você!

Sinto sua Falta...

Inicio de uma nova estação
Era inverno e ela caminhava...
Ela sentia tanta emoção!
Era inverno e ela pensava...
E com todo este inverno a neve dominava!
Era inverno e ela dizia...

Como vai? como vai você?
Você que era aquele que eu amava!
Neste instante que estou aqui a olhar
A neve branca e pura
Ainda te sinto perto de mim
Ao menos por um pequeno momento
Me fazendo esquecer este frio
Que ainda quer insistir
De existir dentro de mim!

Onde estai? Onde você esta?
Você que nunca me escutava
Você que agora não me vê mais...
Pensa ainda em mim?
A minha força neste instante esta longe de mim...
Os meus pensamentos voam para perto de você!

Ah se você estivesse perto de mim
Neste inverno belo e intenso
O seu calor seria imenso
Para doar tudo que um dia
Você não quis dar
A mim, a mim...
Somente para mim!
A mim que sempre fui para você
Aquela que a qualquer inverno
Era pronta a te aquecer!

Eu fui embora
Quando o inverno me fazia muito mal
Levando junto o meu coração
A procurar um belo arco íris
Como um pássaro solitário no céu
Para que meu Deus pudesse tomar conta dele
Porque eu sozinha não seria capaz!

Agora com esta neve branca
Eu procuro sempre a serenidade
Que você conseguiu retirar de mim
Eu procuro a felicidade
Que você não quis me dar!
Ainda estou aqui a pensar 
Que agora você não cuidara mais de mim
Você nunca mais me terá
E se você pensa em mim
Isto eu nunca irei saber
Sei somente que neste belo inverno
Estou aqui a pensar em você!
Eu penso em você e...
Sinto sua falta.

Autora e tradutora: Aymée Campos Lucas