Os InVerSos dEnTROoo De MiM!

Seja Bem Vindo em Meu Blog!
Desejo Muito que Possa Apreciá-lo. São Textos e Poemas Escritos Por Mim.
Eu Gosto Muito de Escrever... Na Verdade, Eu Amo Escrever.



quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Estou de Sacanagem... Fazendo uma Homenagem!

Não é real, eu sei. Mas, foi em você que eu pensei.
POR QUE VOCÊ ME OLHA?

Fala sua mãe:
Acorda, Rodrigo
E' hora de ir à escola
lá fora, tem seu amigo
querendo falar contigo
Vou convidá-lo para um café
Até você estar de pé!

Rodrigo responde adormecido:
Que chato acordar, agora
Mãe, por favor, não me amola
Eu não quero ir à escola
Diz ao meu amigo que não estou 
Ou que a senhora não conseguiu me acordar
Assim, ele vai embora sem eu ter de explicar! 

Responde sua mãe nervosa:
Rodrigo, acorda e desce da cama
Tem alguém lá fora que te chama
Não estou de brincadeira 
Vai logo estudar, para fazer carreira!

Entra o amigo chateado, mas com uma enorme surpresa: 
Oi, Rodrigo, você marcou comigo
Isso não é coisa de amigo
Larga disso, vamos lá
A escola nos espera
Será uma nova era
Tem gente nova na parada
Ouvi dizer, pela estrada
Que se chama Eduarda
Tem olhos azuis da cor do céu
Grandes lábios vermelhos
E não usa aparelhos
Dizem que a pele é morena 
E o melhor de tudo isto
E' que tem uma linda amiga  
Que se chama Serena! 

Rodrigo e sua reação:
Acordou todo animado
Ao ouvir seu amigo Ricardo
Vestiu a melhor roupa, calado
A meia do lado errado
Já estava todo suado
Parecia um desesperado...
Tomou seu café apressado
Biscoito molhado 
E um queijo ralado
Dentro do pão
Com um ovo afogado
E assim, saiu para sua aventura
Querendo conhecer aquela criatura

Chegando na escola:
Professor, podemos entrar?
Estamos atrasados 
Culpa do transito infernal
Um carro atropelou um animal
Algumas árvores caíram com o vendaval
Teve também um assalto no mercado do Juvenal
Mais parecia um Carnaval
E por pouco, perderíamos a sua matéria
De filosofia informal 
Filosofia Informal


O professor acreditando responde:
Entrem, rapazes... Iniciamos, agora
Temos ainda uma hora
Depois, será Educação Física
Vai ter basquete lá fora
Eba! (Gritou Isadora)
Eu sei... eu sei, que você adora!
Abrem os livros, agora!

Rodrigo observou algo diferente:
Lá na frente, uma garota virava o rosto
Para olhar aquele garoto
Aquele rosto que a deixou extasiada
Parada, direcionada
Parecia apaixonada!
Era Eduarda...
Quem era o garoto?
Era o tal Rodrigo
Que por sua vez 
Era com sua insensatez
Rigidez e com tanta timidez

Algo estava acontecendo naquele momento:
Que olhar profundo!
Neste instante, dois olhares diferentes
Mas totalmente quentes, ardentes
Se fixaram, se exploraram...
Ela, imóvel, como se em frente 
Houvesse algo impertinente
Ele, em seus pensamentos
Querendo saber o que fazer?
O que dizer... Como resolver?

A grande ideia de Rodrigo:
Disfarçadamente Rodrigo
Abre seu caderno
Pega, dobra uma folha
E com a língua, molha
Depois, escreve ao externo:
"Por que você me olha?"
Pensou: isto é moderno!
Assim, constrói um lindo avião
Lançando em sua direção
E o avião, lá no alto
Faz um pouso em sua carteira
Como se fosse asfalto
Preparando uma maneira
Para aqueles dois rostos singelos
Um dia, pudessem criar elos
E assim, com todas as respostas existentes
Iriam se admirar e tudo acontecer
Porque olhares como aqueles
Somente um atração entre eles
Poderia dizer
Que ali, acabou de nascer
Um amor para se viver!
E Rodrigo? Quer mesmo saber?

O Retorno:
O avião voltou!
Sim... Voltou e pousou no mesmo lugar
De onde veio...
E ela, lá de longe, a olhar
Viu Rodrigo abrir a folha... 
Ele pensou: Leio?
Abriu e leu!
"Me chamo Eduarda
E te olho, porque te gosto
Te olho, porque me atrai!"
Rodrigo eufórico dá um grito
Na aula do professor Frederico
- E vaiiii! E vaiiii!


O Final desta estória?
Um final feliz!
Olha os dois ali 
Brincando de aprendiz!
E dias se passaram, quando Rodrigo
Fala ao seu amigo 
O quanto estava amando
Parecendo estar constantemente 
Em um estado de embriaguez
E diz também: 
Olha só o que ela fez
Acabou com a minha timidez!

Autora: Aymée Campos Lucas


Homenagem a Rodrigo!

Este conto é uma homenagem a um amigo que conheci, através de um blog que gosto muito Ideias & Antiteses
Sempre que o visitava, estava la, o comentário de Rodrigo, E' Tudo que eu Sei
E era sempre muito interessante seus comentários, então um dia, visitei seu blog e deixei meu recado.
Desde então, ambos admiram o trabalho do outro e sempre que vejo um comento dele em meu blog, eu fico realmente feliz!
Feliz por saber que consigo atingir a mente de um jovem com poemas que escrevo!


Rodrigo, decidi escrever e dedicar este conto para você! 
Espero que você possa curtir o que foi escrito... Eu queria brincar com as palavras como sempre faço e...

eu usei seu nome, escrevendo parte de uma juventude vivida na escola. 
Nestes versos, usei a fantasia de um jovem descobrindo o amor na pré-adolescência. 
Será que alguns destes versos você já viveu?
Sabe que sou realmente curiosa em saber se o que escrevi, tenha algo que possa ter sido vivido por você? 
Adorei ter escrito, foi muito divertido escrever e sempre ao escrever eu estava ali, a pensar em você como personagem da estória!... Ti Voglio Bene! 


3 comentários:

  1. fico a cara do Rodrigo, eu gostei muito ...
    como sempre muito criativa. Amei ler *-*

    ResponderExcluir
  2. Nooossa!!
    Eu fiquei realmente honrado... uma homenagem pra mim? mas quem diria *-*
    Às vezes é disso que a gente precisa... de alguém que se preocupe em fazer algo para nos presentear.

    Eu adorei haha. Achei muito divertido. Os fatos não correspondem totalmente à realidade... maaas... você retratou muito bem alguns aspectos e acertou em cheio kkk.
    Preguiça de levantar da cama quando alguém me chama, ficar desanimado em cima da hora quando tenho algum compromisso, timidez... nossa, a timidez. Tenho de monte. Mas sabe aquelas coisas que a gente vai mudando ao longo da vida? pois é, tenho trabalhado na minha timidez e posso dizer que os resultados são bons.

    "Olha só o que ela fez
    Acabou com a minha timidez!"

    Essa parte sim. Condiz sem dúvidas com a realidade. Mas não precisamos entrar em detalhes né... acho que dá pra entender, rs.

    Enfim... agradeço por cada palavra e pela admiração. Ficou ótimo! Adorei mesmo.
    Me fez rir, refletir e distrair, e eu tava precisando disso.
    Parabéns ^^

    ResponderExcluir
  3. Ahahahah eu adorei tudo!!! Ficou ótimo. Divertido, interessante, criativo. Está perfeito!!! Muito obrigado por citar meu blog, me senti valorizado por algo que faço e amo.
    Seu blog é lindo, eu deveria vir aqui mais e comentar, você sempre comenta nas minhas postagens... mas eu não tido tanto tempo vago pra ler com calma. =P Prometo visitar com mais frequência, mesmo porque eu adoro tudo no blog. Os textos, as músicas, os sentimentos. Tudo é muito parecido comigo.
    Quanto ao texto do meu blog sobre admirar a si mesmo, eu faço a mesma coisa que você disse, fico admirando minhas próprias fotos... ahahahhaha algo bem Narciso.
    Você tem um livro de bolso? Me conta sobre ele, o nome, onde posso encontrar. Adoraria adquiri-lo!
    Tá, já escrevi muito, eu sei ahahahaha, mas só pra falar que eu tenho talvez um sonho parecido com esse seu de escrever livros. Na verdade, eu digo sempre que se eu pudesse, viveria num chalezinho numa montanha nevada escrevendo livros. Vivendo da escrita, caminhando na natureza... Só isso me basta pra ser feliz. Eu pretendo ano que vem lançar meu livro ou pelo menos começar a escrever. Veremos.
    Beijos pra ti. Parabéns pelo blog e mais uma vez, muito obrigado por dar atenção aos meus trabalhos de escrita.
    Um grande beijo!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar... A sua opinião, para mim, é muito gratificante.