Os InVerSos dEnTROoo De MiM!

Seja Bem Vindo em Meu Blog!
Desejo Muito que Possa Apreciá-lo. São Textos e Poemas Escritos Por Mim.
Eu Gosto Muito de Escrever... Na Verdade, Eu Amo Escrever.



quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Biagio Antonacci - IRIS - Tradução

As musicas de Biagio Antonacci são lindas, intensas... Demonstra o amor da maneira mais verdadeira que todos nos vivemos na vida como ela é!
Muitas delas são de saudade, outras de relações terminadas, traição ou de um amor profundo e sofrido, outras de desistir de amar e outras de construir uma vida juntos sem medo, e tanto mais do que a vida nos oferece em seu curso!


O amor que Biagio Antonacci demonstra em suas letras magnificas, são todas de sua própria autoria e alem de cantar, muitas de suas musicas são cantadas por outros cantores como Laura Pausini.
Eu prefiro ouvir Biagio cantar suas musicas em vez de ouvir Laura Pausini. Tem como exemplo: VIVIMI.
O bom de ouvi-lo cantar é que ele não grita como Laura. Ele é simplesmente sereno!
Eu decidi que a partir de hoje vou fazer traduções de suas musicas e colocar no blog de vez em quando. 
Espero que gostem!


IRIS 
Iris tra le tue poesie
Iris entre suas poesias

Ho trovato qualcosa
Eu encontrei alguma coisa

Che parla di me
Que fala de mim

Le hai scritte tutte col blu
Você escreveu todas com azul 

Su pezzi di carta Trovati qua e la'
Em pedaços de papel, Encontrados aqui e ali

Dimmi dove... Dimmi come
Me diz onde... Me diz como...

E con che cosa ascoltavi la mia vita
E com que coisa você escutava a minha vida 

Quando non stavo con te
Quando não estava com você

E che sapori e che umori... Che dolori e che profumi respiravi,
E que sabores e que humores... Quais as dores e quais os perfumes que respirava,

Quando non stavi con me
Quando não estava comigo 

Iris mi viene da dirti... Ti amo e lo sai
Iris eu sinto vontade de te dizer... Te amo e você sabe

Non l'ho detto mai
Eu nunca te disse!

Quanta vita c'e'... Quanta vita insieme a te
Quanta vida tem... Quanta vida junto a você   

Tu che ami e... Tu che non li rinfacci mai
Você que ama e... você que nunca me humilha

E non smetti mai... Di mostrarti come sei
E nunca deixa... De me mostrar como você é

Quanta vita c'e'... In questa vita insieme a te
Quanta vida tem... Nesta vida junto a você

Il mio nome... Dillo piano
O meu nome... Diz lentamente

lo vorrei sentire... Sussurrare adesso
Eu queria sentir... Sussurrar agora

Che ti sono vicino
Que estou perto de você

La tua voce mi arriva
A sua voz chega até a mim

Suona come un'onda... Che me porta il mare
Soa como uma onda... Que me traz o mar

Ma che cosa di piu'!
Ou muito mais! 

Iris ti ho detto ti amo
Iris eu te disse ti amo

E se questo ti piace... Rimani con me
E se voce gosta disto... Fica comigo

Quanta vita c'e'... Quanta vita insieme a te
Quanta vida tem... Quanta vida junto a você

Tu che ami e... Tu che non li rinfacci mai
Você que ama e... você que nunca me humilha

E non smetti mai... Di mostrarti come sei
E nunca deixa... De me mostrar como você é

Quanta vita c'e'... In questa vita insieme a te
Quanta vida tem... Nesta vida junto a você

Dimmi dove... Dimmi come
Me diz onde... Me diz como...

E con che cosa ascoltavi la mia vita
E com que coisa você escutava a minha vida

Quando non stavo con te
Quando eu não estava com você 

E che sapori e che umori... Che dolori e che profumi respiravi,
E que sabores e que humores... Quais as dores e quais os perfumes que respirava,

Quando non stavi con me
Quando não estava comigo

Iris ti amo davvero
Iris eu te amo de verdade

E se questo ti piace... Rimani con me! 
E se você gosta disto... Fica comigo!

Tradutora: Aymée Campos Lucas


3 comentários:

  1. Linda tradução fazer do outro parte de si, é descrever-se, é conhecer-se afinal, quem pode conhecer melhor você do que você mesmo? Nesse pareceres de vida conjunta é a ligação que o ser humano necessita, uma vez que para nascer ele vem ligado por cordão que lhe dá a vida... mas quando adulto se esquece que nascemos para viver e conviver com o outro. Seja feliz. Adorei o que li.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maravilhoso o seu comentário, Lana.
      Esta necessidade de sentir revelações de quem ama e depois de escutar, amar ainda mais, ficou tão raro nesta vida... os seres humanos estão se tornando ignorantes, porque isto que você disse é tão claro, tão evidente, necessitar de um calor é algo maravilhoso e todo mundo foge. Talvez, porque neste mundo a violência fala mais alto e muitos se escondem, pensando que não vão sofrer, mas na verdade, sofre muito mais por se sentir sozinho.
      Um grande abraço e muito obrigado por opinar.Gostei muito.

      Excluir
  2. Espero que tenha gostado do comentário. boa sorte!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar... A sua opinião, para mim, é muito gratificante.