Os InVerSos dEnTROoo De MiM!

Seja Bem Vindo em Meu Blog!
Desejo Muito que Possa Apreciá-lo. São Textos e Poemas Escritos Por Mim.
Eu Gosto Muito de Escrever... Na Verdade, Eu Amo Escrever.



quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Tem Dias Que é Assim...

   
EU E MINHA CONSCIÊNCIA

Tem dias que é assim...
Tanto querer
Tanta vontade de conversar com você
Estar com você, mas... Você não vem ao meu encontro!
Um dia anterior, uma briguinha calma! 
Daquelas que a gente pede desculpas na mesma hora e...
 A gente acha que foi desculpada, 
Acha que venceu a discussão e... Ao dormir
Se sente guerreira e vitoriosa... Tranqüila,
Achando que tudo está do jeito que a gente quer,
Quando de repente chega o outro dia e...
 Não tem a sua presença.
 Durante todo o dia, nem um sinal de vida,
Dizendo como está depois daquela guerrinha...
O que fazer? Espero... Espero a sua chamada
E o celular não toca, e ai a gente pensa:
"Não ligou mas vai ligar,
Ele não saiu com raiva, ele estava tranqüilo..."
"Liga você!"
Disse a consciência para mim
Não! Eu não vou ligar. Eu não estou errada!
Respondi a ela
E ela teima comigo! 
"Você errou sim, Você não soube escutar, 
Só queria apontar o seu ponto de vista e mais nada!"
Depois de ouvir a consciência por todo o dia, 
Esperando de vence-la,
A gente acaba aceitando que errou. 
Mas o lamento e o desejo ainda de falar com o amor não passa!
E la vem a tal consciência de novo...
"Não acredito que você ainda vai procurar falar do assunto...
Aquele que prejudicou o seu bem estar com ele!"
Eu dei uma risadinha pra ela e falei:
Você acha que não devo?
Me responde:
"Claro que não! Esquece, era tanta banalidade... 
Faz ele esquecer do acontecido, 
Isto sim é o melhor a fazer!
Tenho certeza que ele nem vai lembrar!"
Desta vez concordei com ela 
Mas então para não procurar mais discussão 
Eu precisava fazer algo 
Que pudesse me fazer desabafar sozinha, 
Esquecer completamente de tudo, 
Porque me conheço, sou osso duro!
E se algum sinal aparecesse sobre o acontecido 
Eu iria falar, eu iria provocar.
Então peguei uma folha e rabisquei 
Assim aliviava aquela minha ira 
Por passar meu dia a esperar um telefonema, 
Um sinal de atenção...
Assim comecei a escrever... e o titulo se fez:

PORQUE?

Viu a cor escolhida? O vermelho!
Falei
"Desse jeito você vai acabar criando mais guerra dentro de você!
Acho que deveria ser um azul claro, da cor do céu cheio de nuvens
Assim você se acalma, de que adianta escrever como se tivesse irada?"
Falou a consciência 
Mas eu estou irada!! Eu não gosto de esperar nada, 
Muito menos um telefonema!
" Eu te falei desde o inicio, ligue você!"
Ela não me deixava em paz
Não Oooooo! Não vou ligar, assim ele ganha!
Respondi irritada!
"Mas ganhar o que? Isto não é uma guerra, isto é amor!!
Desta vez a consciência foi drástica comigo, estava nervosa!
Ah tudo bem!! Eu vou colocar o azul claro, satisfeita?
Não queria dar o braço a torcer, mas ela estava certa
" Agora sim... Tenho certeza que seus lamentos ao escrever 
Serão de palavras calmas e doces!"
Ela já estava mais calminha
Mas o titulo eu não mudo!
Falei assim só para que ela pensasse 
Que eu não a escutei... Mas ela sabia que sempre a escuto!
Ela sempre me vence!

PORQUE?


Eu queria tanto estar junto a você amor!
Eu queria estar ... Apenas estar por toda a noite
Juntinhos, agarradinhos...
Queria viver nossos momentos de ternura
Nossos olhares, o acariciar, beijar...
Queria estar com você, somente com você
Te dando muito carinho
E você falando baixinho
Eu te tocando e você me mimando
Amor porque? Porque? 
Porque você faz assim?
Faz assim não... Fica bravo não!
Eu só queria falar o que estou a pensar
Queria apenas que entendesse...
Se você soubesse o quanto sinto sua falta
Ela muito maior que uma enorme montanha
Maior que meus sonhos
Maior que seu olhar para mim
Ontem fui tola, me desculpe...
E hoje só queria você, mais nada!
Queria apenas te fazer carinho
Daquele meu jeitinho que você tanto gosta
Para você poder sempre entender
Que não posso te perder
Tomou conta do meu ser
Você é todo o meu viver
Amor eu amo você! 

Minha consciência estava certa! 
O azul me acalmou... amanha será um outro dia! 
"Eu sempre tenho certeza, sempre tenho razão, por isto que você sempre me escuta!" 
Disse ela baixinho...
Me acalmei e assim eu dormi...

Autora: Aymée Campos Lucas
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar... A sua opinião, para mim, é muito gratificante.