Os InVerSos dEnTROoo De MiM!

Seja Bem Vindo em Meu Blog!
Desejo Muito que Possa Apreciá-lo. São Textos e Poemas Escritos Por Mim.
Eu Gosto Muito de Escrever... Na Verdade, Eu Amo Escrever.



domingo, 16 de janeiro de 2011

Aventura de Louco...Todo Mundo Quer um Pouco!... IV

Onde Nasce uma Paixão! 

Mas eu tinha motivos... Ele estava sendo muito gentil comigo, até a porta do carro ele abria para que eu entrasse primeiro... Que lindo a sua gentileza! 
"Ai meu Deus o que será que esta me acontecendo? Parece que estou gostando... 
E será o que irei encontrar lá? Na verdade eu estava muito ansiosa!"
Ali eu estava em meu silencio a imaginar...
Capìtulo 3

E assim a estoria continua... 
O sitio nos espera... 

Quando entramos naquele carro, imaginava absurdos para acalmar o meu silencio... 
Minha irmã neste momento estava enchendo de carinho Lucas, e falava baixinho ao seu ouvido, os dois sorriam quando contavam algo que viveram neste período separadamente, e eu deixei aquele momento existir unicamente para os dois. Eu não queria interromper ao vê-los tão agarradinhos. 
Todo este carinho era saudável para um casal que a distancia estava tomando conta e que a força dos dois não permitiam. Ao olhar os dois eu queria estar vivendo o mesmo e... Sem nem mover a minha cabeça girava os olhos para tentar entender o que ele fazia, e porque estava tão quieto. 
Conseguia ver só um pouquinho suas pernas e... Que pernas, nossa!
Eu não conseguia ver o rosto... Para conseguir, eu  teria de me girar mas eu não queria dar este gostinho para ele... Teria que ser ele a falar comigo, eu estava ali esperando!
O silencio dele me deixava curiosa e eu queria saber o que ele estava pensando... Eu sei que ele estava pensando! Mas não sabia o que ele estava pensando?
Eu sei disto porque todo mundo pensa, todo mundo tem mil imaginações na cabeça e quando estamos em silencio a mente vaga, mas onde ele estava vagando? 
Eu queria que fosse imaginações sobre mim! Mas porque eu estou assim? Depois que o conheci só fico pensando sobre ele... Oh meu Deus isto não é normal! Será que é normal? Na verdade eu perdi a noção de como se deve agir, eu não sabia mais como se flertava com um homem. Muitas vezes sinto vergonha de trocar olhares... Antes eu olhava todos que me agradavam bem nos olhos, e agora quando alguém me olha eu abaixo a cabeça. Maldito namorado que me fez ser assim! Ingênua eu que deixei ele me fazer ser assim... Mas isto vai mudar. Eu vou me encontrar e ninguém me segura quando esta nova Olívia desabrochar...Nova não, antiga Olivia porque eu era fugaz, eu era muito sapeca. E agora ao ver minha irmã, eu me vejo como dentro de um espelho aprisionada querendo sair e ser como ela!
Eu achava minha irmã tão forte, tão corajosa e sempre dizia isto a ela. Ela é muito inteligente de um modo diferente de mim, sabia viver comunicando e agindo e não somente vendo, lendo e imaginando! 
Eu também sempre fui muito viva mas o tempo vivido à anos atrás, me fez ser muito tímida. Aquela fase de descoberta eu não descobri nada, aos dezoito anos estava de olhos fechados para o mundo. Sentia sede de aprender, de saber e como não podia eu olhava os livros, revistas e filmes.


- Que coisa mais linda Vida, o por do sol! A estrada para o sítio será sempre assim? Eu nunca vi coisa igual, é lindo demais!
Falou Letícia...
- Que bom que esta gostando daqui amor! A estrada será sempre assim, mas a um certo ponto não teremos mais o asfalto e a terra é muito vermelha e faz uma poeira louca ao passarmos por ela.
Falou Lucas.
- Realmente é divino este lugar, eu também nunca vi coisa igual em minha vida! Lucas você esta vivendo em um paraíso! Você esta gostando daqui?
Perguntei
- Eu estou adorando... Sinto falta demais do meu amor mas o lugar me acalma. Eu a muitos anos atrás tinha vindo aqui com meu pai, já conhecia um pouco. Meu pai comprou este sítio quando ainda vivíamos no Sul de Minas, porque ele gosta de caçar, pescar e nas ferias  ele vinha para cá para poder fazer o que gostava assim eu vim uma vez com ele e foi uma super aventura! Aprendi a lidar com a natureza junto a ele.
Lucas me respondeu demonstrando um gosto incrível pelo o lugar. Penso que com ele  vai ser mesmo muito divertido, porque ele gosta da natureza e será capaz de nos mostrar o que realmente é belo!
- Eu não vejo a hora de poder mostrar a todos vocês a Chapada dos Guimarães, é lindo demais! Vamos fazer assim... Domingo a gente acorda bem cedo, digo bem cedo mesmo para irmos até la, assim chegaremos quando o Sol estiver nascendo. Eu quero que vocês possam ver o sol nascer  naquele lugar, porque é deslumbrante. Quando vocês puderem ver, sentirão que não estou mentindo... Parece que o Sol esta debaixo da gente e assim a gente se sente poderoso!
Falou Lucas, sorrindo!
- Nada melhor que nos sentirmos um super homem não Lucas?
Disse Júnior... Quando ele abre a boca sempre diz algo estranho... Tenho sempre que procurar entender.


- Olivia, esquecemos de ligar para a mãe... Nossa! Como pude esquecer?
Vida lá no sítio tem telefone?
Júnior começou a rir juntamente com Lucas...
- Por qual motivo vocês dois estão rindo?
Perguntei, porque não via motivo de rirem...
- Amor la no sítio não tem telefone não, foi por isto que eu comecei a rir... 
Tenho de te dizer uma coisa que não tive tempo de dizer ainda. O sítio é muito simples e ao chegar lá, vocês duas terão um pouco de dificuldade para se habituarem, porque não tem tantas regalias.
Não tem corrente eléctrica, teremos de usar um lampião. Também não tem sistema hidráulico dentro da casa, somente na varanda de fundos tem um pequeno banheiro, onde os tubos hidráulicos alcançam, porque la foi usado um sistema simples para levar a água até a nós. Perto da varanda tem uma bomba que manuseando faz com que a água entre dentro de um deposito de água neste banheiro, mas é muito desgastante ficar bombeando para que a água entre neste deposito. 
- Você esta dizendo uma caixa d'água?
- Sim, só que todo o trabalho tem de ser feito com nossas mãos, é muito cansativo, então teremos sempre que economizar a água para não ter de ficar bombeando por todo o dia. E todos nos teremos de fazer um pouco este esforço e ir la para bombear. Um pouco cada um a gente consegue encher a caixa.
- Você esta falando serio Lucas ou é mais uma de suas brincadeiras? Eu não consigo fazer isto não!
Respondi 
- Mas vai ter de aprender porque senão não tem banho, e saiba que o calor é grande pra ficar sem banho. 
Me responde um pouco rude pois ele me conhecia e sabia que sempre fui um pouco bonequinha de luxo e coisas deste tipo eu lançava no ar a minha frescura!
- Olívia, não começa viu! Aqui cada um terá de ajudar o outro, e por favor vê deixa as frescura para outra hora, minha nossa você tem hora que parece rainha e aqui isto não vai poder existir...
Falou Letícia drasticamente como se quisesse defender o seu namorado, mostrando que  ali será maravilhoso se eu não ficar reclamando... Porque ela sempre faz assim comigo? Vive me trazendo para a realidade como se tudo fosse simples e para mim não é!
- Eu bombeio para você... Quando chegar a sua vez eu faço a sua parte!
Eu arregalei os olhos para ele como se fosse explodir um sorriso... Pois eu estava esperando ele falar e quando falou me defendeu e mais, vai cuidar do meu bem estar como se quisesse cuidar de mim!


- Ah não Júnior, isto não! Desse jeito eu vou ter de fazer a parte de Letícia, senão vai parecer que não sei cuidar dela!
Falou Lucas decepcionado...
- Mas você tem de fazer a parte dela! Letícia veio de longe para estar com você e o mínimo que você poderá fazer é cuidar dela.
Que lindo quando ele fala! Ele defende as mulheres, será mesmo que ele é assim? Talvez esta somente jogando, assim me conquista mais rápido.
- Tudo bem, não tem problema, eu vou cuidar de você amor... Eu vou cuidar muito bem mas só porque te amo muito!
Falou Lucas todo orgulhoso de seu sentimento.
- Vida mas eu quero ajudar, eu gosto dessas coisas, não é para mim nenhum sacrifício e você sabe!
Responde minha irmã Letícia.
- Quando amanhecer vocês irão ver um chuveiro  e uma torneira com um tanque perto desta bomba e ali a água chega mais veloz, então quando formos tomar banho, cozinhar, lavar algumas roupas e vasilhas a gente usa ali deixando a água do banheiro para quando formos utilizar o banheiro. 
E voltando ao assunto de telefonar para sua mãe, amanhã  bem cedo eu terei de ir no armazém do seu Filipe para comprar algumas coisas para a limpeza da casa e para comermos e la tem um telefone, assim você vem comigo e liga para a sua mãe.
Fala Lucas.
- Eu também quero ir... Eu queria poder falar com a mãe um pouco!
Disse assim porque fiquei preocupada de estar ali sozinha com ele, onde já se viu! Mas o que farei ali sem minha irmã por todo o tempo? Eu sei o quanto ficaria nervosa ao lado dele sozinha.
- Não poderemos ir todos, vocês dois ficariam e começariam a organizar a casa um pouco.
" Mas como posso aproveitar as férias assim? Sair de tão longe para estar a limpar uma casa de sitio? Isto não estava nos meus planos!" 
Pensei enraivecida, mas não falei nada, fiquei em silêncio me sentindo aprisionada, queria conhecer o lugar e não ficar limpando.
E o silencio reinou mais uma vez!
Já estava escurecendo e ainda tinha um grande caminho pela frente. Lucas disse que chegaríamos por volta das vinte horas. 
Alguém quebrou o silencio... Júnior se pronunciou:
- Andei observando vocês duas por um bom tempo e notei que vocês duas tem um jeito pratico de ver a vida. Você Letícia muito mais... Eu vejo que é muito corajosa como se estivesse sempre ao comando. Decididas é a palavras chave para tudo que observei. Alguém assim do nosso lado faz a gente se sentir viril! Você é um homem de sorte Lucas em ter conhecido Letícia!
Letícia estava respondendo e agradecendo o seu elogio e eu fiquei ali a pensar:
"Minha Santa Maria do Carmo, este homem custa a falar e quando fala diz sempre resumindo, usando poucas palavras. São palavras que amplificam... Mas o que eu estou pensando? Isto não é hora de estudar esta parte do seu ser.
Eu reparei que ele não tirou o olho de mim quando disse esta frase, usou o termo viril e isto significa que se sente macho, pleno de capacidade sexual... Então sente desejo! Se ele se sente viril ele esta me desejando...
Mas porque não fala? Primeiro se sentiu um super homem agora viril... Esta provocação me da nos nervos. E' como se não fosse nada pratico ao falar. Quer jogar, só falta ter apostado com Lucas que vai me conquistar e esta fazendo de difícil! Homens tem esta mania de sempre querer apostar e mostrar que é capaz de vencer!


Ai, ai, ai, que confusão... Afinal quem está fazendo de difícil aqui sou eu! Sou eu que devo
me fazer de difícil, não ele!"
Estava irritada, muito irritada porque eu não gosto de perder em um desafio... E assim olhei
diretamente nos seus olhos e me pronunciei sem nem pensar o que iria dizer:
- Olha aqui, ou você começa a falar claramente ou eu não vou mais te dar ouvidos. Trata de ser mais pratico com suas palavras porque a minha mente esta ficando desgovernada aqui de tanto pensar e querer entender os seus enigmas. Fala três palavras como se fossem palavras chave e eu tenho que achar a chave, a resposta, assim não dá!
Minha nossa! O que estava dizendo? Que loucura, agora não tem mais como remediar...
- Eu não sou prático!
Falou rude...Senti ar de guerra e perguntei:
- O que é então?
- Talvez misterioso, sei lá
Respondeu com tanta calma e sorrindo.
- Olívia não queira adivinhar... Tudo que o Júnior diz é como se tivesse sempre duplo, triplo sentido. Ele sempre deixa um mistério no ar, ele é assim e cabe a você entender do seu modo porque ele não te dará respostas.
Falou Lucas querendo me ajudar...
- Eu não vou entender nada! Ou muda ou serei eu uma surda!
Falei enraivecida e Lucas sorriu porque me conhecia. O silêncio pairou no ar, não recebia nenhuma resposta quando ao improviso escuto:
- Te beijar! Seria te beijar!
Falou isto ao improviso, fiquei espantada, pois ele falou baixinho, quase no meu ouvido, enquanto o casal se curtiam e conversavam sozinhos.
- O que? O que está dizendo, não consegui...
Me interrompeu dizendo:
- Você antes me perguntou o que seria um momento especial em que eu abriria minha boca... Seria te beijar! Pronto falei, acabou o mistério tudo bem? Era assim que você queria não? Acabou... Não direi mais com mistérios... E agora o que me responde!
Ele queria respostas... Minha barriga deu aquele friozinho, eu não esperava aquela reação dele... Não esperava, e fiquei olhando para ele, olhava... Mas resisti e nem respondi. Ali naquele momento quem usou de mistério foi eu! Na verdade eu fugi, não estava pronta. Desejava, mas não soube reagir e fiquei quietinha, era um momento constrangedor. Assim ele se calou também... 
Neste instante fizemos uma parada para ver o pneu, Lucas sentiu algo estranho e foi verificar, mas Júnior não saiu do carro, parecia arrependido do que havia me falado, seu rosto demonstrava desilusão, decepção, arrependimento sei lá, estava triste... 
Eu queria e senti vontade de beijar mas não assim naquela hora... Eu não sei agir em momentos que me pressionam e de longe o observando pensei:
"Me deixe pensar... Eu também quero te beijar mas quero que seja tudo muito lindo! Agora não é hora! ainda não!"
E assim quando me olhou eu sorri para ele... 


Ao sorrir para ele, eu percebi que seu rosto se tranquilizou, como se tivesse recebido a resposta que desejava.
E assim entramos no carro e continuamos a viagem... Me sentia muito envergonhada como que sufocada. Ele desta vez preferiu grudar em mim ao invés de estar perto de sua janela. Eu sentia o seu respiro e digo de passagem que era bem ofegante.
"Mas onde isto vai parar? O que será que estou causando nele para respirar assim?
Acho que vou reclamar, sim eu vou falar! 
Mas o que é isto? A mão dele! A mão dele está tocando minha perna e eu estou gostando. Mas não quero! Oh meu Deus que delícia, tão suave! O que fazer Senhor, fico calada? Reclamo? Não, não vou reclamar! Vou sim reclamar! Não eu vou só afastar! Mas já estou grudada na janela do carro, não tenho mais saída...
Neste instante o fixei profundamente e falei baixinho quase suspirando... O meu respiro também estava ofegante. Que sensação deliciosa que sentia...
- Por favor pare!
Me olhou e parou dizendo:
- Não consigo te entender... Você tem um mundo em sua mente e sei que o importante será conseguir entender o que tem por detrás de cada imagem que seus olhos me transmitem!
Sorri para ele e disse ainda sorrindo:
- Que lindo! Você acertou, o mundo gira aqui!
E fiz o meu silêncio... 
Depois daquele momento, não demorou muito e chegamos no sitio tão desejado! Eu e Letícia estávamos cansadas, mas tinha tanta coisa ainda para organizar! E assim, descemos do carro todos muito eufóricos.

Autora: Aymée Campos Lucas
Aventura de Louco... Todo Mundo quer um Pouco.
Capitulo 4
Todos os direitos reservados 


Elenco musical deste capítulo:
Avenged Sevenfold - Warmness On The Soul
The Last Goodnight - Pictures Of You
Mika - Erase
Beatles - Hey Jude 
As músicas foram retiradas porque o programa não estava funcionando. 

Aguardem... Daqui a alguns dias, a estória continua com o amanhecer no sitio...


Para quem desejar ler o início do meu livro, este é o Link:


12 comentários:

  1. Agradeço-lhe pela confiança e pelos teores contidos em seus “posts”! Entendi-lhe todas as razões que confirmam a nossa grande Amizade! Quanto ao “imitável” foi entendido plenamente. Caso você queira, por razões à parte, anote os “e-mails” que mais uso: machadodekarlos@uol.com.br ou machadodecarlos@hotmail.com

    (... E o Romance continua, não é?)

    Um Grande Abraço!
    Fique bem!

    ResponderExcluir
  2. Sim! O Romance tem que continuar... Com leitores ou sem leitores eu vou até o fim! Estou escrevendo para mim também... Eu ecrevo e me delicio com esta aventura.
    Se fosse descrever o que venho sentindo ao viver tudo isto nao seria capaz de explicar bem!
    So sei que meus olhos circulam em busca de tudo que tem em torno deles, meus olhos criam cada cena e quando vejo Olivia agir eu adoro ver o rosto dela na minha mente. Ela é um desassossego mental e eu tenho que segui-la com suas paranoias, e isto me deixa euforica aqui ao escrever! rsrs
    So sei que cada cena eu estou la... A Olivia tem uma imaginaçao incrivel, ela é muito observadora, nao perde nenhum detalhe do comportamento dele porque ja esta completamente atraida por ele!
    Augusto Junior é o oposto do seu ex namorado e isto a deixa fascinada, pois ele da total liberdade para ela, da aconchego, da coragem e ela por nao ter vivido isto adora, apesar de o achar petulante, atrevido e apressado.
    Ai entao vem o lado da Olivia que o restringe, e ele se ferve! rsrs
    Estou criando uma cena que ja esta quase pronta em minha mente, e penso que sera ilario quando as pessoas ler. Sera o despertar sexual de Olivia com um que quer se sentir o melhor e unico macho! Acho que sera ilario, espero.
    Estou realmente adorando criar tudo isto!
    Beijos Machado

    ResponderExcluir
  3. Parabéns a Você!... Que Deus sempre lhe acompanhe. Muita sorte para você!

    Festa

    La musica marca il Suo passaggio...
    Un sogno etereo è la Sua occhiata!...
    Io viaggio per il modo Latteo, raggiante!
    Io inebrio in questa acqua, in questo viaggio...

    Naufrago... Io le do questa comunicazione;
    Ed in un indaco naturale dell'uggiolare e vibrante,
    Io contemplo la Sua effigie di raggi brillanti
    Io arrivo al massimo ed io assorbo il panorama!

    Io navigo in Éden, in un Show di vita!
    Nella Sua Lampada io vedo l'Eternità!...
    Ed il Suo compleanno della canzone in versi...

    Nella routine io sono un numero di arte,
    Un Impero intero per governarLa!...
    —A dona con enícola dell'Universo!...

    Machado di Carlos

    (Depois você acerta a tradução para mim?)


    Festa

    A música marca a tua passagem...
    Um sonho etéreo é o teu semblante!...
    Viajo pela Via Láctea, radiante!
    Embriago nesta água, nesta viagem...

    Náufrago... Entrego-lhe esta mensagem;
    E num choro índigo e vibrante,
    Contemplo tua efígie de raios brilhantes
    Chego ao máximo e absorvo a paisagem!

    Navego no Éden, num Show de vida!
    Na tua Lâmpada vejo a Eternidade!...
    E canto teu aniversário em versos...

    Na rotina sou um número de arte,
    Um Império inteiro a governar-te!...
    — Um brinde com enícola do Universo!...

    Machado de Carlos

    ResponderExcluir
  4. Feliz Aniversário!!!
    Minha querida, desculpe minha ausência por aqui, tenho que vir continuar a ler a estória, mas virei com calma.
    Hoje, agora, vim para te parabenizar pelo seu dia.
    Parabéns.
    Tudo de bom.
    Felicidades.
    Que você realize todos os seus desejos, tenhas muita saúde e muitos anos de vida.
    F
    E
    L
    I
    Z

    A
    N
    I
    V
    E
    R
    S
    Á
    R
    I
    O

    Beijos enormes no teu ♥

    ResponderExcluir
  5. Uauuuuuuuuuu, está deliciosa essa estória, Olívia não está conseguindo se segurar.
    Amei essa parte do respirar dele tão perto dela, depois da mão na perna dela....nossa amiga, AMANDO por demais.
    Li todas hoje, aproveitei que o pc estava livre.
    rsrs
    Beijos no teu ♥
    Feliz finalzinho de dia de aniverário.
    Tudo de bom, sempre, sempre.

    ResponderExcluir
  6. Pois é, Aymée, fizeram aniversário por aqui e eu não fui convidado. Já comeram o bolo!! Mesmo asim, felicidades mil. Como vc sabe, estive envolvido com as "primas" e, portanto, meio afastado da leitura. A culpa não é sua de ter grafado erroneamente o vocábulo "despreso", mas do blogger que não tem um corretor ortográfico para comentários. Por falar em desprezo, acho que vc anda desprezando as minhas mensagens: desde o início do mês enviei-lhe uns e-mails e não recebi resposta. A produção literária por aqui está a todo vapor... Muito bem. Já li duas partes de sua estória (ou história?) e conheci a Olivia (protagonista), a Letícia (irmã) e Helena (mãe). Viajo muito de ônibus e, infelizmente, vc está falando a verdade: muitos ônibus velhos com banheiros fétidos, barratas, poltronas rasgadas, sem ar condicionado, etc. Gostei do sutil humor da estória como, por exemplo, a baldeação (viajar num balde rsrsrs) e a cidade Mineiro, em Goiás. A sua estória está direcionada para o público feminino infanto-juvenil. Poderá fazer muito sucesso com esta trama. Beijos 35º

    ResponderExcluir
  7. Macaco.. LENDO !
    Sei não estas duas no sitio na base do lampião.. rss

    sigo lendo....
    Bejo moça escrevedeira
    Tatto

    ResponderExcluir
  8. Oi Aymée,
    nossa, estou numa aflição sem tamanho, nesses dias que andei afastada da net, a sua história andou bem , já está na parte quetro e agora preciso me concentrar na leitura mas o Jude não deixa. Vou começar de onde parei e depois comento mais um pouco.
    Feliz Aniversário super atrasado mas que vale é a intenção e desejo-te só coisas boas e que tudo que você sonha se concretize para a sua felicidade.
    Beijos. Vou ler agora.

    ResponderExcluir
  9. Aymée, linda! Vc tá de níver e eu nem sabia!!! Acabei de ler nos coments.

    Amiga, um oceano de felicidade pra vc! Te desejo muitas conquistas, muitos sonhos realizados e um ano explendoroso!

    Ando sempre por aqui lendo suas escrivinhações rsrs.

    Um bjo enorme no seu coração!

    ResponderExcluir
  10. Ola Tatto,
    Macaco precisa de cultura, porque o mundo um dia sera deles, hahaha E nao existe cultura melhor que esta do meu Blog que mostra como é parte do Brasil e muito mais! kkkkkkk

    Yanne muito obrigada pelo carinho e vou aguardar os seus comentos na estoria...

    Antonio Jose,
    Quanto ao desprezo sei que foi brincadeira, porque de mim voce jamais sentira uma coisa simile a esta. So desprezo quem me fez muito mal... Pessoa como voce so tenho que admirar! Voce é uma pessoa que considero muito!
    Tudo bem que sou um pouco desligada, que nao dou a atençao que deveria, mas eu tenho todos aqui no meu coraçao.
    Me perdoe, se fui desatenta foi porque estava escrevendo a estoria.
    Posso demorar aparecer, mas saiba que sempre apareço mesmo que voces nao venham aqui eu vou la! kkkkkk

    Agora um ola especial para Machado!
    Olha so o poema escrito para mim no meu aniversario! Maravilhoso!
    Eu ainda nao agradeci como se deve... Muito obrigada pelo seu carinho de sempre. Depois vou verificar a traduçao para voce como me pediu! Te escreverei como se deve! Adorei demais!

    Majoli,
    Quando voce fala de como a leitura esta te fazendo bem eu fico daqui toda contente!
    Mas voce viu ali o comentario de Antonio?
    Ele disse que esta leitura esta direcionada para o público feminino infanto-juvenil.Sera? Quantos anos nos temos? E olha so o quanto que todos estes grandoes estao curtindo! Até macaco ta lendo!kkkkk
    Sem falar no grupo masculino que esta lendo e sao todos grandoes, hehehe
    Nada melhor que uma estoria de amor e odio misturada com muito desejo! rsrs
    Beijos a todos

    ResponderExcluir
  11. Olá.. parece que perdi uma festa:(
    atrasada ainda vale?

    Parabéns minha querida , que continue sendo assim abençoada, que continue com esse coração lindo que tens..
    obg por suas palavras, cada um tem uma estória né?

    A minha não deu certo por motivos bem fortes, não foi falta de valor não, nem meu nem dele. foi a vida que nos impôs..
    Ele é um homem de muito valor, eu diria que é como poucos..
    e eu peço a Deus todos os dias que passe, ainda não passou mas creio ainda que algo vai acontecer ou com ele ou sem ele, apenas quero viver...
    É uma estória difícil complicada.
    Se existe uma certeza na minha vida é o amor que vivemos e temos um pelo outro..
    Mas não podemos!

    É um amor cujo o fim não acredito que exista, ficamos longe por mais de dez anos, e quando nos reencontramos não teve jeito.
    Mais que seja o que Deus nos preparar..

    Um beiJO e obrigada de coração por compartilhar um pedacinho de ti comigo...
    um lindo dia de paz..
    agora vou trabalhar..já to atrasada.. rsrsr

    ResponderExcluir
  12. Aymee,

    Hoje vim aqui para deixa um beijo especial, e agradecer por você fazer parte da minha história, tem um selinho para você lá no blog!

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar... A sua opinião, para mim, é muito gratificante.