Os InVerSos dEnTROoo De MiM!

Seja Bem Vindo em Meu Blog!
Desejo Muito que Possa Apreciá-lo. São Textos e Poemas Escritos Por Mim.
Eu Gosto Muito de Escrever... Na Verdade, Eu Amo Escrever.



sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Eu sou feliz... Apesar do meu nome!

 Tudo que tenho vem do Amor!

Olá,
Eu me chamo Rodolfo Paulo... E' sim... Este é o meu nome. Pensem o que quiser, porque eu, desde quando ouvi este nome pela primeira vez, estou pensando até hoje porque? Porque? Porque que a minha querida dona, colocou este nome em mim?
Ela sempre me abraça e fala: "Você é meu herói!" E eu fico me perguntando: "Mas não tinha outro nome de herói para colocar em mim não?"
Poderia ter me chamado de herói de verdade como Sansão... Que lindo seria!
Talvez Lancelot, Spider Dog, Hércules, Arthur... Qualquer outro herói, seria melhor que Rodolfo Paulo.
Tem vez que ela ao chegar do trabalho, vai logo gritando meu nome mas eu ignoro, faço de conta que nem ouvi pois dói a minha alma!
Então, ela ao me encontrar me pergunta: "Rodolfo Paulo, porque você não me responde?" e eu abaixo a cabeça, mostrando decepção!
Não consigo entender porque ela quis colocar o nome de um antigo amor que existiu em sua vida... Não entendo porque ela insiste em relembrar um alguém que não está mais em sua vida e ainda por cima, em forma de cão... E quando me abraça muitas vezes ela chora! E se ela chora foi porque esta pessoa a fez sofrer, ou talvez seja porque ainda sinta saudades e ao dizer o nome, a faz chorar mas... Neste momento eu lhe dou tanto carinho que consigo fazer ela começar a sorrir, porque apesar de ter recebido este nome estranho, para mim ela ainda é a pessoa mais carinhosa e bondosa deste mundo.

Quando vamos ao parque, tenho tantos amigos cães e quando seus donos o chamam, eu morro de inveja... São nomes de cães!
Sempre escuto de minha dona que não devemos ter inveja de nada deste mundo, que inveja é um sentimento muito feio! Feio foi o nome que ela me deu, o resto não é nada perto disto!.. Se ao menos ela me desse um apelido... Gostaria demais ser chamado de RP seria total disfarce, mas como faço ela me entender? Sou inteligente, tenho ideias mas esta ideia eu não consigo explicar para ela!
Eu muitas vezes nem me divirto tanto no parque porque vivo a observar o seu chamado e antes que ela possa me chamar, eu logo observo o seu olhar. Eu sei que vai falar o meu nome, então eu corro para ela imediatamente e assim evito de passar vexame perto de todos e principalmente perto de Lady que se interessa por mim e penso que se ouvir meu nome, ela vai desistir.

Lady é linda, é a minha paixão e seu dono conversando com minha amada dona, já pediu a ela que me deixasse namorar Lady... Quando ouvi um sim, eu sorri de felicidade, Lady é o  meu amor eterno, não deixo nenhum cão atrevido chegar perto dela, e se chegar eu rosno! Eu quero me mostrar forte, protetivo e corajoso para Lady se apaixonar por mim cada vez mais.
Espero que ela goste de mim, mesmo descobrindo o meu nome! Dizem que quando se ama, somos capazes de amar tudo de belo e feio que exista no ser amado... Eu desejo que isto seja verdade.  Acho que tudo isto é verdade. Eu sigo de exemplo minha dona que conseguiu amar este nome, meu Deus!... Este nome é estranho pra cachorro!

Eu tenho um outro amigo cão que quando vem ao parque esta sempre triste... Tive muita dificuldade para tirar uma confissão dele, mas ele acabou confessando: " A minha dona é solitária, seu marido nunca está com ela e quer sempre que eu durma com ela, e fica me acariciando e uma vez ela ao deitar, começou a falar comigo e dizia que está fazendo psicanálise e confessou ao seu analista que prefere dormir comigo e me acariciar que acariciar o seu marido, e neste dia ela começou a fazer coisas estranhas comigo e seu marido entrou e viu e me espancou! Eu não tenho nenhuma culpa, eu se pudesse queria um outro lar!" Ao ouvir olhei para o alto e pedi a Deus para cuidar daquele animal triste. Ouvindo uma história assim, eu estou preferindo o meu nome!
Este fato realmente é verdadeiro e eu fico é feliz de ter uma dona que me quer muito bem, e mesmo se tenho este horrível nome, eu sou feliz!
E digo desde já que não durmo com ela, não... não... não... Tenho este nome que é um amor dela mas na hora de dormir, eu tenho a minha linda casa em um ângulo do apartamento, e minha casa é tão grande que minha dona consegue entrar nela e limpar tudo... Pendurado no teto tem um lampadário que exala um perfume de lavanda, é muito cheirosa a minha casa!
Tudo que ela me ensinou eu aprendi direitinho, sou caprichoso e quando Lady vier para perto de mim, seremos felizes...
Acho que isto está para acontecer logo! Eu ao ouvir a conversa dela com o dono de Lady, ouvi ele pedir se poderia deixar Lady comigo por todo o verão para que ele possa fazer uma viagem em um Pais distante, e se minha dona deixar ele se sentirá seguro. E ela concordou e o verão já está quase chegando! Comecei a saltitar e contei tudo para Lady que também saltitava e eles sorriam com nossas brincadeiras...
Ele é uma pessoa sozinha e por todo o verão irá a trabalho para Europa e ao falar isto para minha dona, ela ficou triste...
O jeito que ele olha a minha dona não é normal, eu acho que ele gosta dela. E se isto for verdade quando ele voltar, farei de tudo para uni-los porque assim Lady nunca mais sairá de perto de mim! Ele seria a pessoa certa para a minha dona... Ele tem um nome muito bonito e caso minha dona resolva colocar outra vez o nome de seu novo amor a um de meus filhotes eu serei feliz! Ele se Chama Vítor!

Não vejo a hora de tudo isto acontecer, porque eu e minha dona somos muito solitários.
Quando estamos em casa ela fala pouco, vive em silêncio, muitas vezes lendo e muitas vezes no computador e de repente na frente de um computador, ela começa a sorrir, gargalhar, e não tem ninguém, mas ela sorri tanto e eu começo a latir, latir sem fim quando vejo ela estranha assim... Sinto medo de ser alguma loucura que a domina, mas ela vem e me explica que não é nada, é apenas porque um amigo a fez sorrir, mas eu não vejo nenhum amigo, e me apavoro! Mas depois passa a ansiedade... Eu penso em Lady!
Eu amo Lady demais! Eu sou feliz... apesar do meu nome! Sou forte mas sou bondoso, sou carinhoso e me orgulho onde Deus me colocou para viver!
Obrigado meu Deus!

Autora: Aymée Campos Lucas

14 comentários:

  1. Rodolfo Paulo... rélowww , vc não tá entendendo!!
    Eu que sô Bixin tbém cum nome Xipan Zeca já passei por esses questionamentos tbém... tá ligado ?

    E qdo ela ri ao computador.... Solo yo!! que estou lá declarando meu amor "humor" pra ela... tendeu?

    Deusssskiajude
    Tatto

    ResponderExcluir
  2. Rodolfo Paulo, você é lindo demais, e desejo que sejas muito feliz ao lado da Lady, que imagino eu ser um encanto.
    Sabe que se eu tivesse um cão lindo como você, o chamaria de Artur, rsrs.
    Coisas da paixão.
    Agora se sua dona vive rindo na frente do computador, eu faço isso também, são coisas meio difíceis de se explicar, mas é normal, viu?
    Hummmm...será que existe algo assim entre sua dona e o Vitor?
    Vai ser bom pra você hein Rodolfo Paulo, nunca mais ficará longe da Lady.

    Amiga querida, eu amei, amei e amei por demais ler sobre esse lindo cão.

    Beijos enormes no teu ♥

    ResponderExcluir
  3. Ah, meu Deus, que coisa mais fofa esse Rodolfo Paulo!! Que amigão vc tem! rs

    Querida, passando para lhe dar um super
    abraço pessoalmente, que 2011 lhe traga uma grande colheita de coisas boas, que venha muita inspiração e criatividade dessa cabecinha boa que eu sei que vc tem, pois sempre nos brindou com seu talento,

    FELIZ ANO NOVO, minha querida!!

    ResponderExcluir
  4. Uma linda canção ao som do adorável piano. Como Adoro piano, principalmente acompanhado do violino! As imagens do vídeo são incríveis. Um sonho! Será que o “Rodolfo Paulo”, gosta desta canção? Imagino que sim!

    ResponderExcluir
  5. Aymée,

    Quando chega a noite, repousamos nossa cabeça e fazemos um balanço do que foi nosso dia. No fim do mês fazemos balanço das nossas contas...e quando o ano se finda, costumamos refletir sobre o que foi nosso ano.

    Fechamos pra balanço.

    Começamos a puxar pela memória para trazer à tona tudo o que nos aconteceu nesse último ano.

    Talvez tenhamos passado por momentos difíceis, dolorosos mesmo onde, muitas vezes chegamos a nos perguntar sobre o sentido de nossa vida. Mas o passar dos dias acabou amenizando esse sentimento. Porque o tempo, se passa rápido ou lentamente, ameniza todas as coisas. E é curioso como, mesmo revivendo na memória, as coisas já não fazem mal como antes... naquele momento de dor, tínhamos a certeza absoluta que isso jamais passaria.

    Sofremos perdas irreparáveis, dessas que não é possivel voltar atrás, por mais que tentemos. Mas ganhamos em experiência.

    E, entrelaçados a esses momentos de tristezas, houveram as alegrias. Desses momentos em que desejamos que o relógio do tempo pare. Uma onda de emoção nos invade ainda, um sorriso aflora e temos a impressão que nosso rosto se ilumina... é importante trazer esses momentos sempre vivos para que nos ajudem quando a maré estiver baixa.

    E nesse mar da vida, onde nadamos e fomos levados, chegamos, finalmente, ao porto do próximo ano. Sobrevivemos e, malas prontas e cheias de experiências, nos preparamos para uma nova embarcação. Talvez nova direção.

    Mas, olhando o que passou, nessa contabilidade de momentos vividos, pesando os prós e os contras, chegamos à conclusão que o saldo final é positivo. Todos os que chegamos até aqui temos saldo final positivo, mesmo se durante o ano as coisas negativas tentaram nos afetar. Se não fosse assim, não teríamos chegado até aqui.

    E vamos começar o novo ano com um grande presente desse Deus Pai que esteve conosco durante todo esse ano: uma nova oportunidade!

    Temos nas mãos a chance de recomeçar, reconstruir. Nem todos tiveram, mas a nós está sendo dada essa ocasião. Somos privilegiados. E nesse novo ano, mesmo se não podemos ser pessoas novas, podemos nos sentir pessoas renovadas, fortes o bastante para sobreviver às provações, fortes o bastante para conquistar novas vitórias.

    Letícia Thompson.


    ...Um lindo 2011 à você!...

    Com carinho, Gislene.

    ResponderExcluir
  6. Que Rodolfo Paulo mais lindo, amiga da vontade de abraçar muito fofo...Amiga passando aqui pra bindar o ano novo que acaba de chegar aqui no Japão, Tim Tim amiga, este será fantástico estou certa disso, quero agradecer sua amaizade sua atenção este ano acabamos de nos conhecer mas foi maravilhoso, e continuara sempre...Tudo de mais belos neste 2011. beijos
    Com carinho
    Hana

    ResponderExcluir
  7. Belíssimo trabalho!...

    A vc amiga, meus sinceros agradecimentos pela atenção e carinho estendidos ao longo do ano que se encerra...

    Um 2011 feliz e cheio de prosperidade!!

    MUITA PAZ!!

    ResponderExcluir
  8. Aymée.. meu anjo, tadin do RP.. pior eu com Xipan... hehehe
    Nóis bixin se entende !!!
    Grato por me visitar assim num momento tão particular... Quase família.. Graccie...
    Me cuido sim, só destilado de Premeira.. pois na segunda .. já era.. rsss
    Deussssskiajude
    Bejão DoisMileOnze
    Tatto

    ResponderExcluir
  9. Já que por aí falta pouco para o Ano Novo, aqui ainda faltam três horas. De acordo com as normas científicas você está à nossa frente e dirá um Bom dia ao Ano Novo, em primeiro lugar.
    O Menino Rodolfo Paulo não deve estar gostando muito dos fogos! Rsssssss
    Mas ele adora as mesmas músicas que adoramos, ainda bem. Vou dar uma olhada no Artista, assim depois comentaremos tá bom? Beijos!


    Desejo-lhe também um Feliz Ano Novo... Muita Saúde, muito Amor e Paz!...

    E mando-lhe um soneto, caso você goste... rsssssssss


    Uma Receita de Paz

    A luz brilhou!... Era teu coração...
    Encontrei nele a pura passagem,
    e para respirar nova aragem:
    — Ouço as vozes, — É a tua canção!...

    À distância, morri no teu clarão,
    estatizei versos pra tua imagem!
    E Eu estava só, na longa viagem,
    Saí da vã e triste solidão!...

    — Ligo-me... E a tua voz vem e me encanta!
    ... E os Anjos chegam na hora santa,
    E engulo cada nota do teu piano!

    Em guirlandas gritei: — adeus açoites!
    Deixei de ser só na gélida noite...
    Durmo na tua Paz, — Já noutro plano!...



    Machado de Carlos

    ResponderExcluir
  10. Receita da Paz...
    Lindo, lindo... Senhor de Deus, que presente lindo de Ano novo voce me ofertou!
    Eu to me sentindo uma Deusa debruçada nesta neve branca a esperar o vento soprar e sentir seu cheiro, rsrsrs
    Que exagero, acho que é o piano o culpado, kkk

    Adorei o poema. Vou Guardar no coraçao!

    ResponderExcluir
  11. Querida, vim deixar um beijo especial de final de ano.
    Feliz 2011 para você.
    Receba o meu mais sincero admirar.

    ResponderExcluir
  12. Vida de cão, Aymée, não é fácil... Estou lhe enviando um email. Beijos à RP

    ResponderExcluir
  13. Aymée um conto muito bom lembrei de um caso de um colega que colocou o nome de seu cachorro de Veloso Antunes em homenagem a mim ! Perguntei mas porque o Antunes ele respondeu que era sobrenome de sua esposa e o pior que descobri que não era brincadeira ele realmente fez isso! Que cadela mais chique essa Lady!
    Aymée qualquer mensagem de msn orkut não foi eu que enviei até tenho MSN mas está praticamente inativo pois falta tempo e disposição para aprender a mexer com ele e tenho medo de pegar gosto para a coisa!Um abraço obrigado pelo carinho e um feliz 2011 para nós todos!

    ResponderExcluir
  14. Viu que anta que eu sou comentei com o eperfil do meu filho que estava navegando antes de mim !

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar... A sua opinião, para mim, é muito gratificante.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...